FASCITE PLANTAR, DORES, EMAGRECIMENTO, COLESTEROL ALTO, ANSIEDADE E ETC.

2828995 x240

Meu nome é Cristina Nogueira, 53 anos, tenho fascite plantar, o que me tem causado fortes dores no andar, descobri o Centro Taoísta há 6 meses e desde que iniciei o tratamento com acupuntura e massagem Tui Ná (que no início a dor é terrível, mas com o passar do tempo, chego até sentir falta da massagem), a dor melhorou muito a acupuntura semanalmente me mantêm mais equilibrada, vem melhorando imensamente minha ansiedade e sinto que tem trazido outros benefícios à minha saúde, exemplo:( baixa do colesterol, minha pele melhorou, e está me ajudando no emagrecimento) onde nos tempos de hoje, temos que manter equilibrados para tocar em frente.

16/12/2015   Cristina Nogueira

Conheça Blog oficial do Centro Taoísta:

Ver outros depoimentos:

http://www.centrotaoista.com.br/depoimentos-acupuntura

Fascite plantar, dores, emagrecimento, colesterol alto, ansiedade e etc.
Anúncios

Relato do Tao Te Ching . Capítulo 51 . Aula de Tai Chi – 09/05/2015

51

TAO TE CHING Capítulo 51 Valorizar o TAO Na natureza, o TAO gera, cria e cultiva. Todos os seres são, portanto, expressões do TAO. E toda a criação é complementar: o homem precisa da mulher para gerar; a terra precisa do sol para germinar… A energia deve estar conectada para que as coisas tomem forma, pois a circulação energética é essencial para que as coisas tenham forma. O professor Tsai chama a atenção para a mudança energética lunar e o impacto desta na nossa vida, no nosso corpo. Na lua cheia, segundo o professor, sentimos uma energia circular pelo corpo muito distinta da verificada em outras fases da lua. Diante dessa totalidade do TAO, o ser humano deve respeitá-lo; valorizar a virtude emanada pelo TAO. Ao respeitar essa virtude – que gera a vida – estamos seguindo a ordem natural; o princípio essencial da criação. O TAO emana virtude. Ao mesmo tempo que cria e mantém, o TAO repara, regenera. E tudo acontece de forma natural – criando sem possuir, agindo sem interesse, guiando sem interferir… Tsai lembra que esse princípio difere dos dogmas religiosos, no qual a criação é creditada a um ser que cobra obediência e reverência; que age com posse. No TAO, a chamada “virtude maravilhosa” simplesmente existe…sem se vangloriar da criação!

11/05/2015 Betânia da Silva Lins

E-Mail: betania.lins@printeccomunicacao.com.br

*Texto elaborado por aluna:Betânia da Silva Lins

http://www.centrotaoista.com.br

——————————————————————————————————————–

Na primeira parte deste capítulo do Tao Te Ching, Lao Tsé expõe a natureza peculiar do Tao e explica porque devemos respeitá-lo e seguí-lo:

O Tao cria, mantém, repara e cura tudo no Universo, através da circulação energética, que é Yin e Yang em perfeita harmonia e em constante fluir.

Este fluir de energia cria transformações e mudanças que nos permitem evoluir. Caso contrário, não poderemos experimentar o verdadeiro progresso. Isso serve para todos os aspectos da vida: sabedoria, saúde, paz interior etc.

Seguindo estes ensinamentos podemos criar a Virtude em nós.

Esta virtude que gera vida deve ocorrer de forma natural. Sendo assim, não devemos interferir ou tentar utilizar de meios artificiais para promover nossa evolução ou restaurar nossa saúde, pois o Tao, por sí só, faz esta tarefa espontaneamente, desde que o deixemos agir.

O Tao cria, mantém e repara. A própria natureza tem o poder de curar.

Os remédios, por exemplo, curam somente os sintomas e jamais a causa das doenças, pois são recursos meramente artificiais criados pelo homem. São meios artificiais que interferem na natureza.

Na segunda parte do capítulo, Lao Tsé esclarece que o Tao é a fonte de tudo, mas nada possui. O Tao não é dono de absolutamente nada.

Cria, mantém, cura e jamais tem a pretensão de receber qualquer reconhecimento, adoração ou louvores, e por isso é chamado de a “Nobre Virtude”.

É diferente das religiões criadas pelo homem, onde os Deuses os possuem, estão no controle e, por isso, recebem adorações e louvores.

O Tao não busca qualquer mérito. Se quisermos nos integrar com o Universo e nos harmonizar com a natureza, para nossa evolução, devemos apenas respeitá-lo e seguí-lo.

10/05/2015   Paulo Ricardo

E-Mail: paulobonciani@hotmail.com

*Texto elaborado por aluno:Paulo Ricardo

http://www.centrotaoista.com.br

FORTES DORES NO BRAÇO, NA MÃO, NO OMBRO E COTOVELO DIREITO, TENDINITE, INFLAMAÇÃO NOS TENDÕES E ETC.

dor-no-cotovelo-e-reflexos-no-braço-e-mão

Meu nome é Tatiana e há quatro semanas sentia fortes dores no braço, na mão, no ombro e cotovelo direito. Uma tendinite, inflamação nos tendões causada por esforços repetitivos. Fiz exercícios de alongamento, massagem, manipulação, gelo, tomei arnica e, por fim, desisti e tomei antinflamatórios por 4 dias. Mas continuava a doer. Por indicação de uma amiga, estive no Centro Taoísta para Longevidade com o Prof Tsai. Fui acreditando que ele poderia de fato me ajudar.

O tratamento me pareceu muito diferente, porque ele estimulava os pontos mais doloridos do corpo (pernas, braços e rins) com repetidas batidas de um instrumento. Depois vieram as agulhas. Algumas doeram muito, sobretudo, as colocadas na perna oposta à região em que sentia muitas dores. Após a primeira sessão, recebi orientações do Prof. Tsai e saí de lá com uma sensação que nunca havia sentido antes: uma sensação de analgesia no corpo todo, parecia que flutuava. Depois, ao longo do dia, um relaxamento extremo. Poderia ter dormido por 20 horas seguidas, se não estivesse no trabalho. À noite, meu ombro não estava mais “duro” e não sentia mais dores no braço, no ombro. Apenas o cotovelo ainda incomodava.

Fiz a segunda sessão e tomei uma bronca do Prof. Tsai por fazer meu corpo trabalhar mais do que devia e por não ceder ao que ele me pede: descanso. Mas, devo dizer que estou me sentindo bem melhor e espero poder fazer a minha parte para me ajudar a melhorar ainda mais, para o meu bem-estar e para ter mais qualidade de vida.

Muita gratidão, Prof. Tsai!

19/03/2015  Tatiana Marques

E-Mail: marques.t@uol.com.br

Ver outros depoimentos: http://www.centrotaoista.com.br/depoimentos-acupuntura

Taitiana

DORES INSUPORTÁVEIS, MUITO MEDICAMENTO, CANSAÇO, DIFICULDADE PARA ANDAR E ETC.

TamikoOK

Minha mãe Tamiko Oyamaguchi (81 anos) tem problemas na coluna e anda com a ajuda de um andador, em Dezembro de 2014, o problema se agravou, reclamava bastante de dores e nem estava conseguindo andar,levamos no dia 06 de dezembro no Hospital São Francisco em Cotia tiraram raio X, deram injeção e medicaram vial oral Tramal, as dores não melhoravam, parecia que até piorou. Como as dores não melhoraram, levamos em outro Hospital, no Hospital Universitário ( USP) e novamente raio X, injeção para aliviar as dores e medicamento vial oral, e nada de melhorar, ela já não estava suportando as dores, nem conseguindo sair da cama.

Foi quando por indicação do meu primo Marcos Moriy levamos minha mãe no Centro Taoísta de Cultivo da Longevidade. No dia 20 de Dezembro de 2014 ela foi carregada pelo meu filho devido as fortes dores, não conseguia caminhar, se arrastava, não conseguia trocar passos sózinha e com paciência e várias sessões, hoje ela consegue caminhar trocando passos sózinha. Graças a Deus e sem nenhum medicamento.

Agradeço ao mestre Tsai e sua esposa.

Elena Midori Oyamaguti Amano

Ver outros depoimentos: http://www.centrotaoista.com.br/depoimentos-acupuntura

Clube 20 anos de cultivo da saúde e Longevidade

DSC07192

“Clube 20 anos de cultivo da saúde e Longevidade”

Este é o nome oficial para comemorarmos a prática ao longo de 20 anos no Centro Taoísta, um espaço que busca promover a saúde e a longevidade dos praticantes. A ideia da celebração surgiu, na verdade, durante as aulas de Tai Chi ministradas no Centro Taoísta. Nessas aulas, o professor Tsai ressalta a importância das práticas diárias de Tai Chi, Meditação Taoísta e Chi Kung para o equilíbrio; o professor defende, ainda, que deve-se manter o que Lao Tsé – autor do livro Tao Te Jing – chamava de constância. Aliás, constância que contrasta com o imediatismo e o estresse que o professor Tsai vê diariamente nos pacientes da clínica de acupuntura; pessoas que sempre querem tudo para ontem e que buscam um alívio imediato, porém, não estão interessadas em solucionar o problema pela raiz.

Diante desse cenário, em uma das aulas, o professor Tsai disse aos alunos:

— Não vamos comemorar uma melhoria de apenas duas semanas, nem de dois meses ou de dois anos. Vamos comemorar quanto tivermos, pelo menos, 20 anos de prática. Aí, sim, teremos algo concreto para afirmamos e analisarmos se os treinamentos ajudaram na saúde e na longevidade.

O professor Tsai ressalta que embora tenha havido alunos mais antigos, ele prefere escolher essa data baseado em um dos alunos que efetivamente tem frequentado as aulas desde janeiro de 2006.  Kinjiro Sekiguchi, de lá para cá, mostra que a sua dedicação foi determinante para solucionar muitos problemas de saúde. A história de Kinjiro pode ser conferida nos depoimentos descritos nos links abaixo.

http://www.centrotaoista.com.br/depoimentos-tai-chi-meditacao-chi-kung/item/147-minha-experi%C3%AAncia-da-pratica-de-tai-chi-e-medita%C3%A7%C3%A3o-tao%C3%ADsta-desde-ano-2006

http://www.centrotaoista.com.br/depoimentos-tai-chi-meditacao-chi-kung/item/152-efic%C3%A1cia-do-tai-chi-para-resolver-problema-de-sa%C3%BAde

Com a oficialização desse evento para 2025, o professor Tsai gostaria que os alunos registrarem o resultado do treinamento no blog oficial do Centro Taoísta – criado com a ajuda da Betânia – para que todos possam compartilhar experiências e aprofundar-se na essência dos treinos. No sábado passado, em 27 de abril de 2013, foi ensinado o treinamento especialmente para o fortalecimentos dos rins. Nessa aula, o professor Tsai detalhou a técnica e solicitou para os alunos que apresentam “zumbido” nos ouvidos que façam o treino, pois a prática do exercício é eficiente contra este tipo de problema. O professor Tsai gostaria de  aproveitar essa ocasião especial para convidar os alunos e os praticantes para deixarem relatos de suas experiências na forma de depoimentos, pois estes serão os verdadeiros motivos da nossa futura comemoração no ano 2025!

Bons treinos para todos!

30 de abril de 2013 Centro Taoísta

http://www.centrotaoista.com.br/

TAI CHI CHUAN – 37 MOVIMENTOS BÁSICOS.

Caro Prof. Tsai:P1050152

Com o intuito de auxiliar na interiorização dos 37 movimentos básicos
do Tai Chi Chuan, gostaria de compartilhar com demais colegas o
documento em anexo com o nome e a descrição sumária de cada um deles
que me ajudou muito quando conheci o estilo do mestre Liu Pai Lin nos
anos 80 e até hoje tenho como fonte de inspiração para prática de Tai
Chi Chuan. Os nomes dos movimentos foram traduzidos do chinês e a
descrição sumária foi elaborada  de forma a possibilitar a
identificação da abrangência de cada movimento.
Espero continuar contribuindo com outros documentos.

Abraço

Joji

Continuar lendo

Experiência sobre acupuntura e Tai Chi: Tendinite, Isônia, dor de garganta, frieira e etc.

Medita02
Desde meus 12 anos de idade, venho praticando vários esportes, como: Musculação, Muay Thai e Skate. Por volta dos meus 22 anos
de idade e mesmo seguindo um modo de vida saudável, segundo especialistas médicos mencionam, comecei a me deparar com dores pelo corpo que, mais tarde, foi diagnosticado como sendo Tendinite.

E nesse período, também me encontrava com grande dificuldade para dormir, ter uma noite de sono adequada ou em outras palavras: ir dormir e só acordar no outro dia sem ter que levantar de madrugada e, tão pouco, dificuldade para pegar no sono.

O tratamento da Tendinite mencionado pelo médico onde fui procurar ajuda, era simples: não fazer exercícios com o membro prejudicado, tomar antiinflamatório e compressa com gelo no local machucado. Fiz todo o tratamento indicado e fiquei quase dois meses sem me exercitar. Bastou voltar aos treinos, mesmo sem ritmo forte, para que a “Tendinite” que, nada mais é do que uma inflamação nos tendões, voltar a me incomodar.

Por muita sorte, descobri o professor Tsai, que iniciou o tratamento de Acupuntura e que rápido se mostrou eficaz. Não fiz muitas sessões de Acupuntura, porém iniciei a prática do Tai-Chi pouco tempo depois das sessões.

O problema da Tendinite, não me incomoda mais e mantendo a prática regular do Tai-Chi, seguindo as valiosas dicas de alimentação receitadas pelo professor, percebi que minhas noites de sono também melhoraram.

E não para por ai, possuia também três tipo de doenças de pele: frieira; um fungo (que não lembro o nome) onde, aos poucos, danificava as unhas dos pés e das mãos e; umas manchas em formas de pequenas bolinhas nas raízes dos pelos dos braços e das pernas principalmente. O fungo só sairia com antibiótico feito em farmácias de manipulação segundo a dermatologista que me atendeu na época.

Inexplicavelmente, no mesmo período, as três doenças simplesmente desapareceram do meu corpo, sem o uso de nenhum medicamento. Gripe, dor de garganta e problemas corriqueiros meus também são raros.

Por fim, me vejo de uma forma muito arraigada com a prática do Tai-Chi, não apenas pelos males de saúde que obtive melhoras, mas na harmonia mental, na sensação positiva e qualidade de vida proporcionada pela prática. Ou seja, resultados que não cabem em simples palavras, aspectos que são observados apenas pelo praticante. A meu ver o Tai-Chi e a meditação são como armas contra os males físicos e também, não menos importante, mentais do ser humano. Sou profundamente grato ao professor por ter passado esses ensinamentos valedouros e pelo grande trabalho que faz.

20/04/2013   José Henrique B. de Oliveira